terça-feira, 25 de dezembro de 2012

PETISCOS LISBOETAS

Lista do Restaurante Cartaxeiro
no início do século xx.

LISBOA DESAPARECIDA
de MARINA TAVARES DIAS,
volume IX,
capítulo RESTAURANTES E PETISCOS

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

GRANDES ARMAZÉNS DE SANTA MARTA

Grandes Armazéns de Santa Marta

(Rua de Santa Marta), em 1915.
O edifício foi demolido no final do século XX




 Lisboa Desaparecida
de Marina Tavares Dias
volume VII,
capítulo Os Fotógrafos de Lisboa
(Octávio Sedas Nunes)

sábado, 15 de dezembro de 2012

Cinema Lys

Cinema Lys

na Avenida Almirante Reis

(gaveto com a Rua dos Anjos), bairro dos Anjos.

Década de 1940







Lisboa Desaparecida

de Marina Tavares Dias

volume VIII - Os Cinemas de Bairro

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

LISBOA DESAPARECIDA - O INÍCIO

Lançamento do primeiro livro com textos
sobre a Lisboa Desaparecida de Marina Tavares Dias.



Café Nicola, Rossio, Dezembro de 1987

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

terça-feira, 27 de novembro de 2012

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

TITANIC por MARINA TAVARES DIAS


TITANIC  |  SOBRE O OCEANO DA HISTÓRIA
 
O novo livro de
MARINA TAVARES DIAS

 

Os que, em 1912, profetizaram que o Titanic era insubmersível não imaginaram como e até que ponto ele o seria – metaforicamente.

[…/…] O navio mais célebre do mundo iniciou, na noite do naufrágio, uma longa viagem através do imaginário dos povos. Neste interminável percurso, assume tudo aquilo com que cada um de nós o aparelha dos seus próprios medos, das suas próprias causas e da sua própria alma. Demanda simbólica, também, de um século em que a humanidade tentou, sem sucesso à vista, reencontrar-se consigo mesma e com o significado da sua obra à face de Deus. [do prefácio]
 
Editora Objectiva, 2012.

domingo, 12 de agosto de 2012

Imagens do livro
Photographias de Lisboa 1900
de Marina Tavares Dias.

Edição de 1989.
Reedição no prelo.






Imagens do livro Photographias de Lisboa 1900 de Marina Tavares Dias. Edição de 1989.
Postais ilustrados da editora do fotógrafo Paulo Guedes (Rua do Ouro).
Imagens do livro  Photographias de Lisboa 1900 de Marina Tavares Dias. Edição de 1989.

Factura da Tabacaria Costa. Espólio Bárcia (1905).
Factura da Tabacaria Costa. Espólio Bárcia (1905). In «Photographias de Lisboa 1900»

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Cinco décadas de chávenas de A Brasileira (1945-1995)




OS CAFÉS DE LISBOA,
de Marina Tavares Dias (1999)

capítulo «A Brasileira».


Cinco décadas de chávenas da Brasileira (1945-1995). Quatro dos exemplares escolhidos para o livro.


quarta-feira, 14 de março de 2012

OS CARROS AMERICANOS, ANTECESSORES DOS ELÉCTRICOS

O AMERICANO DA CARRIS

A cidade que assistiu à inauguração das carreiras de «americanos» não estava particularmente confiante nas virtudes dos transportes públicos. Os exemplos anteriores tinham habituado todos a vicissitudes então consideradas insuperáveis. Desde o horário desregrado dos ónibus, passando pelo asseio duvidoso dos charabãs, até às tarifas oportunistas dos trens de aluguer, havia uma longa genealogia de desconfianças e de queixas.

Mesmo assim, os jornais não pouparam elogios a um transporte considerado revolucionário, que tinha provado as suas virtudes em cidades estrangeiras (também o Porto já possuía «americanos» desde o dia 15 de Maio de 1872). Em breve, os lisboetas reconheceriam as diferenças do novo sistema de transporte, chegando a considerá-lo como o verdadeiro messias do trânsito alfacinha. Bairros houve em que tal progresso foi saudado com flores para enfeitar os carros e fardas de luxo oferecidas aos cocheiros. O «Diário de Notícias» de 18 de Novembro de 1873 noticia deste modo a inauguração das carreiras:

 «Ficou ontem aberta à circulação a primeira secção de linha de carruagens sobre carris de ferro, pelo sistema americano, em Lisboa, compreendida entre a estação de linha férrea do norte e leste e o extremo oeste do Aterro da Boa Vista. Ficou portanto definitivamente estabelecido na cidade mais um meio de viação, seguro, cómodo e barato que há-de ser o início de maior desenvolvimento e aperfeiçoamento dos veículos de transporte na capital […]. Quando se aproximava a hora de partirem do extremo dessa secção da linha as carruagens com os convidados da empresa dos Carris de Ferro de Lisboa, e as pessoas que em outras eram admitidas, o povo cheio de alegria e curiosidade  formava alas em todo o trajecto da linha, para saudar amoravelmente o novo progresso que passava.

A estação principal da linha e largo em frente estavam embandeirados e ornamentados de arcos e grinaldas, de verdura e de emblemas nacionais! Uma linha de 32 carruagens […] estava postada sobre os ‘rails’ com os seus cocheiros e condutores singelamente uniformizados e postos sobre as plataformas, e os seus magníficos tiros de cavalos e muares perfeitamente arreados com as testeiras das cabeçadas ornadas de rosetas azuis e brancas [as cores da bandeira nacional do tempo da Monarquia]. Vinte e quatro dessas carruagens eram fechadas e oito abertas, destinadas aos fumistas.»

[Exemplar existente no Museu da Carris]

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

LISBOA MISTERIOSA.

O que queremos realmente dizer quando contamos que caiu o Carmo e a Trindade?
Porque que é que já não existem as Obras de Santa Engrácia?
Qual é o animal mais célebre da Penha de França?
Será que Martim Moniz ficou mesmo entalado na porta do castelo?
Ulisses foi ou não o fundador de Lisboa?
Afinal, quem é o padroeiro da cidade?
Será que o Rossio já cabe na Rua da Betesga?
Porque é que Campo de Ourique ficava rés-vés?
Qual a Palma que deu nome à Rua e a Figueira que deu nome à Praça?
Estes são alguns dos mistérios aqui desvendados por Marina Tavares Dias (jornalista, fotógrafa, escritora e olisipógrafa).
Lisboa Misteriosa é um magnífico álbum, com fotografias raras que ilustram o texto pautado pelo mistério e pelas lendas. Histórias que ouvimos desde sempre e que passaram de boca em boca. Aqui se esclarecem as suas origens, enriquecendo a história da nossa Lisboa. Uma homenagem sem par à Cidade das Sete Colinas.
<> 
 
ISBN
978-989-672-116-9
EAN
9789896721169
TITULO
Lisboa Misteriosa
AUTOR
Dias, Marina Tavares

LISBOA MISTERIOSA

http://jsousacesodilivros.webnode.pt/products/objectiva-lisboa-misteriosa-39-90EUR/