sábado, 26 de julho de 2014

S. GENS: O MÁRTIR DA SENHORA DO MONTE

MARINA TAVARES DIAS
em
LISBOA DESAPARECIDA,
volume IX:


[...] É a cadeira mais antiga de Lisboa. O único monumento romano que ainda cumpre funções para que tem servido desde tempos anteriores a D. Afonso Henriques. A cadeira de S. Gens, mártir que foi bispo da cidade antes da conversão da maioria dos seus habitantes. Aqui sentado, diz-se, pregava aos seus seguidores, em terreno sagrado hoje quase impossível de determinar, mas que provavelmente se situaria entre as ruas do Forno do Tijolo e da Bombarda (pleno Bairro Andrade actual). Aqui foi sacrificado por sua Fé, sendo desde então a sua cadeira de pedra venerada pelos cristãos lisboetas: desde o domínio romano, passando pela época da conversão do Imperador Constantino, pela invasão moura e pela reconquista. Hoje, no alto da colina e dentro da Igreja de Nossa Senhora do Monte, a cadeira do santo continua a ser augúrio de bom parto. As jovens grávidas vêm aqui sentar-se antes de dar à luz, crentes num «bom sucesso». S. Gens ainda dá sorte aos lisboetas nascidos no século XXI.

(continua no livro)


Sem comentários:

Enviar um comentário